November 22, 2019

KYOTO TRAVEL GUIDE - DAY I


No quarto dia pelo Japão dissemos adeus a Tokyo e seguimos para Kyoto. Aproveitamos para descansar de manhã e apanhar o comboio das 11h. Para irmos de Tokyo para Kyoto utilizamos o Japan Railway Pass, um passe de comboios válido durante um período de 7 dias criado para os turistas. Este passe foi comprado através da agência de viagens Travelcare e só tivemos que trocar os bilhetes que nos chegaram a casa pelos próprios passes, na Estação de Shinjuku. 
Quando chegamos a Kyoto instalamo-nos no hotel, almoçamos e seguimos para o Templo Kinkaku-ji, também conhecido por Templo do Pavilhão Dourado. Tivemos imensa sorte porque este é um dos spots mais turísticos de Kyoto e está sempre cheio de pessoas mas como fomos os últimos a entrar (pelas 17h30) apanhamos o templo quase vazio! Só nós e os seguranças que nos estavam a mandar apressar o passo ahah. O pavilhão, todo coberto por folha de ouro, irradia uma luz linda, não está aberto ao público, mas a vista é maravilhosa e é um dos monumentos classificados como Património Mundial no Japão.

Pants: Zara; Top: H&M; Sandals: Lemon Jelly; Bag & Sunnies: Gucci

    

TOKYO TRAVEL GUIDE - DAY III


O terceiro dia foi dedicado ao Monte Fuji, conhecido como o ponto mais alto do Japão com cerca de 3770 metros de altitude. Na nossa agência de viagens, Travelcare, aconselharam-nos a fazer o tour de um dia ao monte Fuji e Hakone e valeu muito a pena! Ficamos a conhecer a calma que se vive longe do frenesim das cidades, andamos de teleférico, barco e visitamos templos mais remotos e escondidos. A única desvantagem foi mesmo por ser Setembro o cume do monte não ter neve mas adoramos as vistas, e confesso, depois de fazermos uma média de 20kms a pé todos os dias soube bem andar numa tour em que o plano já estava feito e aproveitar as vistas e relaxar.

Total look: Zara

    

TOKYO TRAVEL GUIDE - DAY II


O 2º dia em Tokyo começou cedo, seguimos o conselho da Mimi do Double Trouble Blog e planeamos visitar Asakusa, Akihabara e Shinjuku.
Mais uma vez começamos o dia a andar a pé, depois de um pequeno almoço à base de massa e arroz (tão bom!!) saímos de Ginza pelas 7h e seguimos para o templo de Sensōji, em Asakusa, onde chegamos pelas 9h da manhã. Este é o templo budista mais antigo de Tóquio e é de paragem obrigatória para quem visita esta cidade. No meio de milhares de turistas conseguimos sentir a sua imponência e beleza intemporal. Depois de passearmos pelo templo exploramos a o bairro de Asakusa e conseguimos avistar a Tokyo Tower ao longe.


Daqui seguimos para o bairro de eletrónica e animes, Akihabara. De todos os bairros que visitamos em Tokyo este foi o que mais me surpreendeu: os arranha céus com dezenas de andares dedicados a jogos, as salas enormes de pachinko com um barulho ensurdecedor, a oferta quase infinita de gadgets eletrónicos em milhares de lojas, enfim, todo um Mundo novo! Se tivéssemos mais dias para gastar em Tokyo acho que tínhamos gasto um inteiro aqui, o Jorge ficou maravilhado e não resistiu a trazer vários acessórios para o computador e eu trouxe uma lente para a máquina. Neste dia apanhamos um calor insuportável, cerca de 33 graus, por isso tivemos que voltar a Ginza para ir ao hotel refrescarmo-nos e mudar de roupa.


Já refrescados e com a energia restabelecida seguimos para Shinjuku e ficamos maravilhados com as cores e a animação deste bairro! Lanchamos o famoso pão doce japonês (que é só viciante!) e subimos ao 45º piso do Tokyo Metropolitan Government Building para vermos o sol a pôr-se sobre esta cidade maravilhosa.
No final do dia jantamos num restaurante típico japonês e seguimos para o hotel.

Look 1: Dress: Twin Set; Shoes: Lemon Jelly; Sunnies: Gucci (Ergovisão); Bag: Dior
Look 2: Pants: Zara pants; Blouse: Loavies; Sunnies: Miu Miu (Ergovisão); Bag: Dior

    

November 20, 2019

TOKYO TRAVEL GUIDE - DAY I


Finalmente estou de volta ao blog e pronta para vos contar tudo sobre a nossa lua de mel! Desde que ficamos noivos que sabíamos onde queríamos passar este período especial, e sempre que nos perguntavam a resposta era inequívoca: Filipinas! Mas depois de pesquisarmos e falarmos com amigos sobre as Filipinas percebemos que Setembro era o pior mês para conhecer este país por ser a altura das monções. Foi então que surgiu a ideia do Japão! Desde sempre que este país estava na nossa bucket list, mas nunca pensamos ir tão cedo por termos a ideia que ficaria caríssimo! Para ficar dentro do orçamento que tínhamos estipulado tivemos que fazer algumas cedências e ficar em hotéis de 3 estrelas, não nos arrependemos nada porque apesar de serem hóteis mais low budget eram super limpinhos e centrais e a única altura em que parávamos no hotel era só mesmo à noitinha para dormir. 
Mas vamos por partes! A nossa viagem ao Japão dividiu-se por 3 cidades: Tóquio, Kyoto e Osaka.
A seguir ao dia do casamento apanhamos logo o avião da Emirates no Porto, que faz escala no Dubai, onde estivemos parados cerca de 8horas, e depois apanhamos outro avião para Tokyo. Entre horas de voo e escalas a viagem durou cerca de 26 horas. 
Chegamos ao aeroporto de Tokyo já de noite, apanhamos um táxi, e seguimos para o hotel para descansar. Nunca nos vamos esquecer desta viagem de táxi, a primeira neste país, por entre estradas suspensas no ar, no meio de arranha céus de perder de vista, senti-me logo fascinada! 
O nosso primeiro dia começou com uma grande caminhada desde Ginza, bairro onde estávamos instalados, até Shibuya, o cruzamento mais conhecido do Mundo. Ficamos pelo menos 30 mins a observar o caos organizado destas passadeiras. Senti-me como a Scarlet Johansson no ‘Lost in translation’ no meio de mil e um placares de publicidade e de uma cultura tão diferente da nossa. 


Exploramos um pouco este bairro e paramos num restaurante de Ramen maravilhoso, que estava cheio de japoneses e onde o almoço ficou 6 euros por pessoa. 
Depois de almoço seguimos para Takeshita street, uma das ruas mais movimentadas que visitamos em Tokyo, onde comemos os famosos gelados de porco e o algodão doce super colorido. Passamos ainda pelo Santuário de Meiji, um local lindo e perfeito para ver o por do sol e sentir a tranquilidade deste lugar.Quando escureceu é que sentimos o cansaço, andamos cerca de 20kms a pé, por isso jantamos cedinho e seguimos para o hotel.

Tee: Loavies; Skirt: Zara; Sunglasses: Miu Miu (ergovisão); Sandals: Lemon Jelly; Bag: Dior